BIG BANG ONE CLICK SAPPHIRE 39mm

Dotado de uma caixa de 39mm, aro cravejado com 42 diamantes e pulseira em borracha, o HUBLOT BIG BANG ONE CLICK SAPPHIRE foi desenvolvido especialmente para as mulheres.

Disponível nas versões: transparente; rosa e azul celeste.

 HUBLOT BIG BANG ONE CLICK SAPPHIRE
HUBLOT BIG BANG ONE CLICK SAPPHIRE

BIG BANG ONE CLICK SAPPHIRE

Referências:
465.JX.4802.RT.1204 (vidro de safira) – Limitado a 200 peças
465.JL.4802.RT.1204 (vidro de safira azul) – Limitado a 200 peças
465.JP.4802.RT.1204 (vidro de safira rosa) – Limitado a 200 peças

Diâmetro :
39 mm

Caixa:
Em vidro de safira polido ou vidro de safira azul/rosa polido

Aro:
Aço inoxidável polido, cravejado com 42 diamantes (1,00 ct)

Estanqueidade:
10 ATM (100 m)

Mostrador:
Vidro de safira, apliques e ponteiros polidos com substância luminescente branca, azul ou rosa

Movimento:
HUB 1710 Movimento automático

Reserva de marcha:
Cerca de 50 horas

Pulseira:
Borracha estruturada e com linhas transparentes, azul ou rosa transparente

NOVIDADE SIHH 2018 – IWC

IWC TRIBUTE TO PALLWEBER EDITION "150 YEARS"

IWC TRIBUTE TO PALLWEBER EDITION “150 YEARS”

Para marcar os seus 150 anos, a IWC orgulha-se de apresentar o IWC TRIBUTE TO PALLWEBER EDITION “150 YEARS”.

Este emblemático modelo mecânico tem como referência o design dos relógios históricos Pallweber e uma homenagem a FA Jones – o relojoeiro americano que fundou a IWC.

IW505001

 lacado e discos de exibição azul
Edição Limitada a apenas 25 relógios com caixa de platina, mostrador branco em acabamento laca e discos de exibição azul.

IW505002

um mostrador branco com acabamento laca e discos de exibição brancos.
Edição Limitada a 250 relógios com caixa de ouro vermelho de 18 quilates, mostrador branco em acabamento laca e discos de exibição brancos.

IW505003

um mostrador azul com acabamento laca e discos de exibição brancos.
Edição Limitada a 500 relógios com caixa caixa de aço inoxidável,  mostrador azul em acabamento laca e discos de exibição brancos.

DISPLAY DIGITAL PALLWEBER

Os discos rotativos da tela digital Pallweber são movidos por um trem que roda separado em seu próprio barril. Isso garante uma precisão máxima e uma reserva de energia de 60 horas.

DISPLAY DIGITAL PALLWEBER

A HISTÓRIA

Em 1884, a IWC desenvolveu os primeiros relógios de bolso mecânico digital, o Pallweber. Esses relógios eram inovadores mostravam horas e minutos em um formato digital com números grandes em discos rotativos e mostrador branco em acabamento esmalte.

a IWC desenvolveu os primeiros relógios de bolso mecânico digital, o Pallweber

 

NOVIDADE SIHH 2018 – CARTIER

Cartier-Santos-Gear-Patrol-Lead-Full

O RELÓGIO SANTOS DE CARTIER

Foi apresentado na SIHH 2018, com um desenho visualmente moderno e elegante.

Este emblemático modelo foi desenvolvido em 1904 para Alberto Santos-Dumont, o pioneiro da aviação.

1904. Louis Cartier realiza o desejo do célebre aviador brasileiro Alberto Santos Dumont: poder ver as horas em pleno voo. Assim nasceu um dos primeiros relógios de pulso, selando a amizade de dois pioneiros. Mostrador com ângulos arredondados, fecho com suave curvatura, seus parafusos aparentes caracterizam um relógio icônico que será objeto de múltiplas reinterpretações.

Relógio Santos de Cartier
Relógio Santos de Cartier
Modelo grande, automático, aço, 2 pulseiras intercambiáveis

 

Relógio Santos de Cartier Esqueleto
Relógio Santos de Cartier Esqueleto
Modelo grande, manual, aço, 2 pulseiras intercambiáveis

 

Relógio Santos de Cartier Esqueleto
Relógio Santos de Cartier Esqueleto
Modelo grande, manual, ouro rosa, 2 pulseiras intercambiáveis

 

Relógio Santos de Cartier
Relógio Santos de Cartier
Modelo grande, automático, ouro rosa, 2 pulseiras intercambiáveis

 

Relógio Santos-Dumont Tigre esmalte
Relógio Santos-Dumont Tigre esmalte
XL, ouro branco, esmalte com acabamento fosco

A história do Ultra Violet

A Pantone anunciou recentemente a tão esperada cor de 2018. A escolhida foi o Ultra Violet, uma variação do tom roxo. Segundo Laurie Pressman, vice-presidente da Pantone, a cor evoca a contracultura e a originalidade. A cor de 2018 segue a tendência lançada em 2017, quando a Pantone apresentou o “greenery”, considerado fresco e revitalizante, ideal para colorir novos começos.

A história acerca do Ultra Violet é interessante. Segundo registros históricos, o maestro alemão Richard Wagner se cercava de roxo para compor. Já Leonardo da Vinci certa vez escreveu que a meditação se tornava muito mais poderosa quando feita sob uma luz roxa brilhando através de um vitral. Os místicos também acreditam no poder curativo da cor.

O roxo aparece em obras de Gustav Klimt, Wassily Kandinsky e Andy Warhol e dá título à uma das cancções de rock and roll mais populares da história: “Purple Haze”, do icônico Jimi Hendrix.

No mundo da moda ela figura em acessórios, peças de roupa e até em joias.

Jasper Johns é inspiração da nova coleção da Sara

Uma das obras mais marcantes do pintor norte americano Jasper Johns, exposta no Metropolitan Museum, em Nova York, foi a principal inspiração da joalheira Laja Zylberman para criar a nossa atual coleção. “Vi a obra ‘Alvo com quatro faces’ do artista pela primeira vez em 2008 e me senti questionada diante desse quadro. Johns não quer passar respostas, quer indagar as pessoas, porque aquele que não enxerga e não pensa, não consegue captar as coisas ao seu redor”, conta.

Debruçando-se e estudando a obra de Johns, Laja criou joias exclusivas que representam, de forma criativa e sofisticada, as diversas fases do pintor. As peças aparecem em ouro negro, amarelo e branco, com pedras como brilhantes, esmeraldas, opalas, apatitas, turmalinas paraíbas, turquesas e safiras. Os diferentes elementos retratados pelo artista como mapas e alvos e o contraponto de cores serviram como fonte de inspiração para a joalheira na hora de escolher cuidadosamente as combinações de metais e gemas preciosas. O resultado é uma coleção de tirar o fôlego, com joias que são um deleite.

Jasper Johns é inspiração da nova coleção da Sara

Jasper Johns é inspiração da nova coleção da Sara

Jasper Johns é inspiração da nova coleção da Sara

SARA JOIAS – UMA TRAJETÓRIA DE 40 ANOS DE SUCESSO

Em 1953 a joalheira Sara Zilberman desembarcou no Brasil. O seu talento nato para o desenvolvimento de joias caiu no gosto dos brasileiros e, rapidamente, ela tornou-se referência quando o assunto era joalheria de luxo. Assim, a partir de uma história de muita luta e superação, nascia a primeira semente da Sara Joias.

Laja Zylberman e David Zilberman, inspirados pelo trabalho realizado por sua mãe, Sara, criaram, em 1977, mais de 20 anos após a chegada dela ao Brasil, a Sara Joias. A primeira loja foi aberta no coração de Ipanema e tornou-se a segunda casa da família. Além de uma equipe altamente preparada, hoje a dupla administra o negócio junto com seus respectivos filhos Alessandra Bernstein e Rafael Zilberman.

Tradicionalismo e inovação dão o tom da marca de alta joalheria. A Sara Joias é conhecida por desenvolver campanhas criativas, estreladas por personalidades de destaque em seus universos de atuação, foi uma das primeiras joalherias a lançar um e-commerce e apoia e participa de importantes eventos do calendário carioca.

Outro diferencial que faz da Sara Joias uma das joalherias mais respeitadas e queridas do país é a curadoria de Laja para o desenvolvimento das coleções. Sempre atualizada com o que acontece de mais interessante no universo cultural e com as mudanças e tendências de comportamento do mundo ocidental, a joalheira aposta em temas relevantes e enriquecedores, sempre representados de forma altamente sofisticada.

Além de joias de tirar o fôlego, a Sara é representante no Brasil também de marcas de relógios como Cartier, Rolex, Hublot, entre outras e é também responsável por trazer para o país diversos modelos exclusivos.

Quer saber mais sobre a Sara Joias? Então acompanhe o nosso blog para conhecer melhor a sua trajetória de sucesso ou visite uma de nossas lojas, no Rio de Janeiro, em São Paulo ou no Rio Grande do Sul.